Freakconomics – Um livro para despertar a curiosidade

Em um tempo em que estudantes e profissionais queixam-se do elevado grau técnico das discussões acadêmicas em Economia, surge um livro que busca, de maneira simples e irreverente, revelar as diversas possibilidades de aplicação da teoria econômica. É principalmente por esta razão que o lançamento do livro Freakonomics: o lado oculto e inesperado de tudo que nos afeta, de autoria de Steven D. Levitt e Stephen J. Dubner deve ser saudado

9789722334969

À primeira vista, pode parecer que as situações abordadas por Levitt e Dubner beirem o trivial e tenham pouca importância em termos práticos. Entretanto, esta visão revela-se como enganosa a partir da leitura das primeiras páginas do livro. Além de seguirem uma linha agora tradicional em Economia – a de aplicar princípios econômicos às mais variadas situações da vida cotidiana, tradição esta iniciada por economistas como Gary Becker – os autores preocupam-se em confrontar explicações baseadas na chamada “sabedoria convencional”. Este último termo é usado ao longo do texto para denotar idéias simples, convenientes e confortadoras, geralmente aceitas pela maior parte da sociedade, mas que não são necessariamente verdadeiras.

Ao longo do livro, os autores desenvolvem uma abordagem didática e acessível, chegando inclusive a explicar termos técnicos de Economia e Econometria sem sequer mencionar suas denominações comuns (conforme é o caso do problema de endogeneidade e das técnicas econométricas de variáveis instrumentais e efeitos fixos, por exemplo). Entretanto, não se limitam a enaltecer apenas técnicas quantitativas ao longo do livro (embora façam isso em certos trechos). Procuram, em algumas partes, demonstrar a importância de fatos históricos relacionados aos fenômenos em estudo. Esse é o caso, por exemplo, quando tratam do aumento do tráfico de crack nos Estados Unidos, assim como das conseqüências da proibição do aborto na Romênia ao longo da década de 60. O texto é fluido e instigante, o que talvez se deva ao fato de um dos autores (Dubner) ser jornalista.

texto extraido de http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31572006000400011

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s